BrasilNotícias

Chega a 52 o número de notificações de febre maculosa em Contagem, na Grande BH

Já foram confirmados cinco casos, incluindo quatro mortes pela doença. Carrapato-estrela transmite a febre maculosa.
Adelcio R Barbosa/Divulgação/Prefeitura de Contagem
A Prefeitura de Contagem informou, nesta quinta-feira (13), que o número de notificações de febre maculosa na cidade chegou a 52. Destas, cinco casos já foram confirmados por exames de laboratório, incluindo as quatro mortes de pessoas de uma mesma família.
A Secretaria Municipal de Saúde disse que, nesta sexta-feira (14), agentes de zoonoses vão intensificar ações de combate à doença no bairro Vila Boa Vista, aplicando veneno nas casas da Rua Primeiro de Maio. As quatro pessoas mortas pela doença viviam neste bairro, na Região do Nacional.
Os casos começaram a surgir no dia 22 de maio, após a capina de uma área de mata neste local. A aplicação de veneno neste terreno, onde houve a infestação de carrapatos, já está na fase final, segundo a prefeitura.
Transmissão
Ciclo da febre maculosa envolve carrapatos e capivara
Amanda Paes/G1
A transmissão em seres humanos ocorre por meio da picada do carrapato-estrela infectado pela bactéria causadora da doença.
Contagem é a cidade com maior número de mortes: 4. De acordo com a Secretaria de Estado de Saúde (SES), Faria Lemos e Raul Soares, ambas na Zona Mata, tiveram uma morte cada.
O último balanço divulgado pela SES confirma cinco mortes no estado e sete casos da doença. Em 2018, foram 58 confirmações, sendo 22 mortes. Já em 2017, 36 pessoas foram infectadas pela doença e 19 morreram.
Show More

Artigos Relacionados