BrasilNotícias

Estrutura com galões de plástico é encontrada por equipes que fazem a limpeza das manchas nas praias de Aracaju

Segundo a Adema, ainda não é possível dizer se material tem relação com substância encontrada no litoral nordestino. Material foi encontrado na Praia de Aruana em Aracaju
Adema/SE
Galões de plástico presos a uma rede foram encontrados, na manhã desta quarta-feira (9), na Praia da Aruana, em Aracaju, por equipes que fazem a limpeza das manchas de óleo que atingiram o litoral nordestino. A informação foi confirmada pela Administração Estadual do Meio Ambiente (Adema).
De acordo com o órgão, ainda não é possível confirmar se o material tem ligação com a sustância. Os galões foram recolhidos e serão analisados, aparentemente eles não possuem sinais de contato com o óleo.
Situação de Emergência
No sábado (5), o governo de Sergipe decretou situação de emergência, e o projeto Tamar suspendeu a soltura de filhotes de tartarugas marinhas por conta do problema. No mesmo dia, o presidente Jair Bolsonaro determinou uma investigação sobre as origens do óleo.
Além disso, as manchas atingiram a área de praia do maior berçário de tartarugas da espécie oliva do país, na reserva Santa Isabel, que fica em Pirambu.
O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, veio a Aracaju nesta segunda-feira (7), para avaliar o litoral sergipano.
Rastro das Manchas
A quantidade de manchas em Sergipe, fez não só decretar estado de emergência como recomendar que a população não utilize as 12 praias atingidas. São elas:
Aracaju – Atalaia e Mosqueiro
Barra dos Coqueiros – Atalaia Nova, Barra, Costa, Jatobá e Porto
Estância – Abaís, Caueira, Estância
Pacatuba – Porto dos Mangues
Pirambu – Praia de Pirambu
Contenção do óleo
A Administração Estadual do Meio Ambiente (Adema) aguarda, nesta quarta-feira (9), a chegada de boias absorventes para conter o avanço das manchas de óleo na foz do Rio Vaza-Barris, uma das regiões mais afetadas de Aracaju e que faz conexão com outros rios importantes em Sergipe e estados vizinhos.
As boias têm cerca de 300 metros de comprimento e estão vindo dos estados de Pernambuco e Maranhão. “Nossas equipes estão em todo o litoral desde cedo monitorando e observam em todos os locais que há continuidade dessa substância na nossa zona costeira”, disse o diretor-presidente da Adema, Gilvan Dias.
Lista de praias atingidas pelas manchas de óleo no Nordeste
Ricardo Salles, ministro do Meio Ambiente, diz que cerca de 100 toneladas de óleo já foram recolhidas no litoral do Nordeste
Manchas de óleo já atingem 138 locais em 9 estados, diz Ibama
Manchas de óleo avançam no litoral de Sergipe e Adema instala contenções em rios
Manchas de óleo ameaçam peixe-boi monitorado por biólogos de Sergipe
Manchas de óleo nas praias do Nordeste
Wagner Magalhães/G1
Initial plugin text
Show More

Artigos Relacionados